• Página Inicial
  • Biografia
  • Posts RSS

Viagem à lua


Um pensamento, um lunático,
Em sua mente, um fanático
Admirando o brilho do luar,
Observando um caminho chegar.

Há algo errado, talvez seja verdade,
Minha atenção desvia-se da cidade.
Não consigo pensar em mais nada,
Não quero esperar, subirei a escada.

A viagem é longa, acendo um cigarro,
Encomoda-me ouvir o som do pigarro.
Estou chegando ao que me convém,
Destino meu, não é de mais ninguém.

Beleza plasmática invade meu olhar,
Parece que estou ficando devagar,
A gravidade afeta minha imaginação,
Não falta criatividade, nem emoção.

Procuro rastros, pessoas, vida.
A lua então sente, mente, quente,
Sem julgar, rapidamente na partida,
Deixas em mim a lembrança existente

No coração de um jovem que reflete
O suar e o suor da violência na rua
Ausencie essa lucidez que se repete
Em todo momento, em uma viagem à lua.

6 comentários:

Yagui disse...

Sem palavras pra sua poesia. Só digo que é genial, simplesmente.
Curti teu blog. Tá de parabéns! (:

Kaerveck, o terravus. disse...

Parabens pela poesia. è raro eu ler uma ate no fim, mas a sua me deixou curioso.
Gostei de viajar a lua. vou te seguir pra ver ate onde voce vai!

Rafael Queiroz disse...

A poesia tá ótima, você poderia usar isso para fazer a letra de uma música. E a foto me lembra a música 'The great gig in the sky'.

valeu pelo post, abraços

Leticia disse...

olá..
mto boa sua poesia. hehe
e o blog tbm esta mto bom
estou seguindo
bjos

Filipi disse...

ótima poesia :D
Palavras muito bem escolhidas e muitas outras qualidades que se encontra nela, coerência, criatividade, originalidade e entre outras :D Muito bom o blog!! vlws

Isaac Dobbin "O bardo" disse...

Q vontade de alcançar a lua e sua plenitude, fugir ou fingir?

Viajando chego a lua...kkkkk

Postar um comentário